Cor…

“Não tenho culpa se meus dias têm nascido completamente coloridos e os outros cismam em querer borrar as cores. Não tenho culpa se meu sorriso é de verdade e acontece por motivos bobos, mas bem especiais. Não sou perfeito. Eu também tropeço e caio de vez em quando, aliás, eu caio muito. E no meu mundo mais lindo e completo não consigo entender a existência de algumas pessoas. Mas o mundo aqui não é do mais justos mesmo… Compreendo… Mas {Read More}

Minha Vida…

Minha vida mudou depois que conheci você, Lana. Seus olhinhos brilhantes apreciando pela primeira vez o dom da luz do mundo, percebendo tudo ao seu redor. Depois das espectativas, de ficar por meses imaginando como você seria. (A cara do seu pai!) Chegou ao mundo trazendo graça e doçura aos nossos dias. Linda, saudável e muito, muito inteligente. Papai do céu, generoso, enviou seu anjo pra que eu pudesse cuidar, zelar seu sono, ensinar a falar, brincar junto, levar pra {Read More}